Páginas

terça-feira, 20 de abril de 2021

Cartório Eleitoral de Prado tem novo endereço

 Órgão passa a funcionar na Rua Getúlio Vargas, nº 66 – Centro; Serviços presenciais continuam suspensos por conta da pandemia



O Cartório Eleitoral da 112ª Zona, que atende aos municípios de Prado, Alcobaça e Caravelas, alerta aos eleitores sobre sua mudança de endereço. Com esta alteração, os cidadãos passarão a ser atendidos na Rua Getúlio Vargas, nº 66 – Centro de Prado, ao lado da Peixaria Mica Pescados.

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) salienta que os serviços presenciais continuam suspensos por conta da pandemia da Covid-19.

De acordo com o chefe de cartório da 112ª ZE, Ives Tavares Gonçalves Santos, a alteração do endereço se deu por conta de logística, “além de assegurar maior espaço e conforto aos eleitores e melhorias nas condições de trabalho dos servidores”. Ao todo, cerca de 55 mil eleitores pertencem a esta Zona Eleitoral.

Anteriormente, o Cartório funcionava no Fórum do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA), na avenida Presidente Kennedy, s/nº, Centro de Prado.


Atendimento presencial suspenso

O TRE-BA mantém o atendimento ao público exclusivamente de forma virtual. A Portaria nº 102 considera as disposições da Portaria nº 265, de 24 de abril de 2020, do Tribunal Superior Eleitoral, que prorrogou, por prazo indeterminado, a vigência da Resolução nº 23.615/2020 do TSE. Este documento estabeleceu, no âmbito da Justiça Eleitoral, regime de plantão extraordinário para reduzir o risco de contágio pelo coronavírus e garantir o acesso à Justiça em período emergencial.

Consulte aqui os serviços online 

Durante o período de suspensão de atendimento presencial, os cartórios e as unidades da secretaria estão autorizados a prestar atendimento por correio eletrônico, telefone ou qualquer outro meio que possibilite fornecer, remotamente, informações e certidões e realizar as demais atividades de rotina. O TRE-BA mantém a prestação de serviços ao eleitor por meio do portal e de aplicativos da Justiça Eleitoral.


HS


Nenhum comentário:

Postar um comentário