sexta-feira, 13 de novembro de 2020

TRE-BA terá comissão no Centro Integrado de Comando e Controle no dia das eleições

Juíza Eleitoral, promotor e dois servidores atuarão diretamente da estrutura da Secretaria de Segurança Pública que é responsável por eventos de grande porte; retaguarda de segurança também será montada na sede do Eleitoral 


                                     

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia terá uma comissão ativa no Centro Integrado de Comando e Controle neste domingo (15/11), dia do primeiro turno das votações municipais. Implantado em 2016 no prédio da Secretaria de Segurança Pública do Estado, o Centro atua em eventos de grande porte e funcionará como apoio às eleições.

O CICC irá auxiliar o TRE-BA na execução, monitoramento, avaliação e consolidação de ações ligadas ao processo eleitoral. Estarão presentes uma juíza com poder de polícia em todo o estado, além de um promotor eleitoral e dois servidores. O presidente Jatahy Júnior visitará o Centro no domingo, às 9h.

No complexo, que funciona no Centro Administrativo da Bahia, haverá também efetivo das polícias Militar, Civil, Federal e Rodoviária Federal, do Corpo de Bombeiros, da Coelba e Embasa. Ao todo, 19 instituições das esferas municipal, estadual e federal integram o núcleo, todos representados por agentes com poder de comando.

O Centro estará equipado com cinco linhas telefônicas em contato direto com as zonas eleitorais do estado, para lidar com demandas e ocorrências, informou o secretário da Comissão de Segurança para as Eleições 2020, coronel Wilson Raimundo Dutra Pereira. “É uma estrutura excelente, que amplia a atuação do TRE-BA e qualifica o trabalho da Justiça Eleitoral em um ano difícil, por conta da pandemia”.

Neste domingo, as demandas dos cartórios relativas à falta de energia, água ou segurança serão levadas diretamente aos contatos do CICC, explica o secretário de Segurança, de Estratégia e de Eleições do TRE-BA, Maurício Amaral. “Considerando a expertise dos envolvidos, já testada com muito sucesso em grandes eventos como Copa do Mundo e Enem, acreditamos que essa fórmula poderá ser muito eficiente no suporte às eleições”.

No TRE-BA ficará montada uma estrutura de retaguarda, com o Núcleo de Segurança, explica o coronel Wilson Dutra. A Polícia Militar terá acesso direto ao seu sistema e poderá acionar efetivos em todo o estado, de forma célere.





Nenhum comentário:

Postar um comentário