terça-feira, 4 de agosto de 2020

13ª zona eleitoral realiza transferências de seções da Acbeu, Anchietinha e Universo

Eleitores devem ficar atentos às mudanças e evitar transtornos no dia da votação; para facilitar o acesso aos dados, chefe da 13ª orienta o download do aplicativo e-Título



A 13ª zona do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia realizou alterações em locais de votação que já são válidos para o pleito municipal de 2020. Eleitores desta zona devem ficar atentos para as mudanças e evitar transtornos nos dois turnos eleitorais, remarcados para os dias 15 e 29/11, de acordo com a Emenda Constitucional nº 107, aprovada por conta da pandemia de coronavírus. 

As seções eleitorais 20ª, 21ª, 22ª, 23ª, 110ª, 111ª, 114ª, 118ª, 119ª, 120ª, 178ª, 183ª e 184ª, que funcionavam na Associação Cultural Brasil Estados Unidos (Acbeu), na rua Pernambuco, nº 568, na Pituba, foram remanejadas para o Colégio Bernoulli, localizado na Praça Marconi, nº 60, no mesmo bairro. 

A chefe de cartório da 13ª ZE, Angélica Macedo, explica que, neste caso, as mudanças são decorrentes de uma reforma que está sendo realizada no prédio da Acbeu. 

A 13ª ZE realizou ainda alterações nas seções eleitorais que funcionavam no Colégio Anchietinha, na rua Érico Veríssimo, nº 192, no bairro do Itaigara. Para as eleições de 2020, quem vota na 112ª, 113ª, 115ª, 116ª, 117ª, 121ª, 122ª, 123ª, 124ª, 125ª, 126ª e 141ª irão para a Faculdade Batista Brasileira, na rua Altino Serbeto de Barros, nº 174, também no Itaigara. 

De acordo com a chefe da 13ª ZE, essa mudança ocorreu porque o prédio era alugado e foi entregue. Essas informações foram prestadas pelo Colégio Anchietinha ao juiz eleitoral. 

Por fim, a seção 217ª, que funcionava na Universidade Salgado de Oliveira (Universo) foi remanejada para o Colégio Sartre Coc e resulta de uma reorganização dos locais de votação da 13ª ZE. De acordo com Angélica Macedo, essa seção já funciona no Colégio Sartre Coc há dois pleitos em razão do número reduzido de eleitores. Agora foi transferida definitivamente para Sartre Coc.

e-Título

A chefe de cartório da 13ª ZE orienta que os eleitores de todo o estado baixem o aplicativo e-Título, que informa a zona eleitoral, o local de votação, a situação cadastral, além de fornecer certidões de quitação e de crimes, sem a necessidade de ir ao cartório. Em 2020, por conta da pandemia, o e-Título está sendo atualizado pela Justiça Eleitoral para ganhar outras funcionalidades. 

O aplicativo dispensa o documento de papel e a impressão de uma segunda via e funciona para além de  uma versão digital do documento, é como uma central de serviços que o eleitor pode ter no tablet ou celular. O download é gratuito e está disponível em qualquer plataforma. “É um recurso de muita ajuda, importante baixar”, indica a chefe da 13ª ZE.


CB

Nenhum comentário:

Postar um comentário