quarta-feira, 22 de abril de 2020

TRE-BA realiza oficinas virtuais de combate à desinformação nas Eleições 2020

Objetivo é capacitar profissionais envolvidos no processo eleitoral para identificar e checar notícias falsas; primeiro treinamento online começa nesta quinta (23/4)



O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), em parceria com o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), o Instituto Tecnologia & Equidade (IT&E) e a Agência Lupa, promoverão, nos meses de abril e maio, oficinas virtuais de combate à desinformação com foco nas Eleições 2020. O objetivo é capacitar servidores da Justiça Eleitoral, profissionais de comunicação além de membros do Ministério Público para o enfrentamento da desinformação durante o período eleitoral. 


Serão duas oficinas virtuais: “Combate Sistêmico à Desinformação” e “Democracia Digital – Eleições 2020”. Os treinamentos fazem parte das ações locais do Programa de Enfrentamento à Desinformação do Eleitoral baiano, encabeçado pela comissão multidisciplinar dedicada ao tema, formada pelos servidores Victor Xavier, secretário especial da Presidência; Ronaldo Moura, secretário da Corregedoria Regional Eleitoral; Thaís Pinheiro Habib, coordenadora de Assuntos Jurídicos e Correcionais (COAJUC/CRE); Jaime Barreiros, mestre em Direito Eleitoral e analista judiciário; e Tiago Alencar, servidor da Assessoria de Comunicação. 


“A comissão tem o papel de atuar no combate a notícias que possam deturpar a legitimidade das eleições. Faríamos encontros presenciais, mas em virtude da pandemia de coronavírus, adequamos para os encontros EAD”, destaca Victor Xavier, presidente da comissão. 


Na sala virtual, os participantes aprenderão sobre os conceitos e os tipos de desinformação; produção, distribuição e viralização da desinformação; mecanismos de checagem; dicas básicas para não “cair” em notícias falsas; o impacto da desinformação na democracia e até o que aprendemos nas últimas eleições e com a pandemia do Coronavírus. 


Programação 


A partir desta quinta-feira (23/4), das 17h às 18h, ocorrerá o primeiro módulo da oficina “Combate Sistêmico à Desinformação”. Os próximos encontros desta oficina serão nos dias 28 e 30 de abril; 5, 7, 12, 14 e 19 de maio, totalizando oito reuniões. A plataforma utilizada será o Google Hangouts MEET, ferramenta de videoconferência de uso corporativo do Google, que pode ser acessada pelo celular ou pelo computador. 


Já no dia 11 de maio ocorrerá a segunda oficina virtual “Democracia Virtual –Eleições 2020”. Neste curso, a programação será dividida em duas etapas. Das 9h30 às 11h30 haverá um Talk Show sobre os aprendizados decorrentes da crise do coronavírus no contexto das Eleições Municipais. A segunda parte do treinamento será das 14h às 16h, com a “Oficina de Checagem Lupa” que abordará conhecimentos na área de tecnologia e combate à desinformação. 


Realizadores 


IT&E: O Instituto Tecnologia e Equidade (IT&E) é uma organização que acelera a inovação sistêmica para alcançar a equidade na sociedade. A iniciativa conta com uma metodologia que tem como base os sistemas dinâmicos. É a partir dela que colabora com coletivos e organizações públicas, privadas e do terceiro setor, criando modelos para entender sistemas complexos, identificar pontos de alavancagem e catalisar mudanças sistêmicas. 

Agência Lupa: A Lupa é a primeira agência de notícias do Brasil a se especializar na técnica jornalística mundialmente conhecida como fact-checking. Desde novembro de 2015, sua equipe acompanha o noticiário diário de política, economia, cidade, cultura, educação, saúde e relações internacionais para corrigir informações imprecisas e divulgar dados corretos. 

MCCE: O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) é uma rede formada por entidades da sociedade civil, movimentos, organizações sociais e religiosas. O objetivo é combater a corrupção eleitoral, bem como realizar um trabalho educativo sobre a importância do voto visando sempre a busca por um cenário político e eleitoral mais justo e transparente.

TF

Nenhum comentário:

Postar um comentário