domingo, 5 de outubro de 2014

ERRATA: não houve prisão de candidatos; até o momento, 41 prisões foram feitas por boca de urna

Ao contrário do que foi divulgado no post anterior, entre as 37 prisões registradas até as 11h50 não foram computadas prisões de candidatos. A informação foi divulgada por conta de um equívoco no repasse dos dados pelos cartórios à Corregedoria Regional Eleitoral (CRE-BA). Em novo balanço da Corregedoria, já são 41 prisões por boca de urna em toda a Bahia.

Foi um total de 165 ocorrências entre casos de boca de urna, transporte irregular de eleitores, divulgação de propaganda, fornecimento de alimentos, corrupção eleitoral e outros motivos, implicando em 47 prisões ao todo.

Em Senhor do Bonfim, sede da 45ª Zona Eleitoral, o juiz titular Tardelli Cerqueira Boaventura, visualizou e decretou a prisão de três eleitores que estavam cometendo o crime de boca de urna. De acordo com o magistrado, essas fiscalizações no dia do pleito coíbem  a ação de eleitores que desejam lesar a consciência de outros cidadãos.

(Relação de ocorrências da Corregedoria até às 14h20) 



Nenhum comentário:

Postar um comentário